quinta-feira, 31 de julho de 2014

FILME EM FAMÍLIA

Foi hoje à tarde , que  vimos o filme " Voo" , o meu  filho Renato e eu,  degustando uma deliciosa pipoca. Gostei muito, me emocionei , até chorei ... 
Querendo que os amigos cinéfilos  também assistam  , se não  viram, pois vale  a pena , coloquei abaixo,  alguns detalhes  e a sinopse  que achei na Wikipedia. Embora na sinopse , às  vezes, o enredo é muito revelado, acho que dizer que o tema  Alcoolismo e drogas, nunca é suficientemente abordado.
Neste filme , justamente  a interpretação do ator  Denzel Washington é  espetacular, no meu ponto de vista, este tema é tratado de forma que leva à reflexão.

. Flight é um filme de drama estadunidense, dirigido e co-produzido por Robert Zemeckis, escrito por John Gatins e estrelado porDenzel Washington, com Don CheadleMelissa LeoBruce GreenwoodKelly Reilly e John GoodmanFlight é o primeiro filme live-action de Robert Zemeckis, depois de Cast Away, lançado em 2000. Foi exibido pela primeira vez em 14 de outubro de 2012 no New York Film Festival,1 mas apenas lançado nos cinemas em 2 de novembro de 2012 nos Estados Unidos2 e 8 de fevereiro de 2013 noBrasil.3

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.
Um avião está em iminente queda, quando William Whitaker (Denzel Washington), que é piloto de aviação comercial, decide assumir o comando e tentar salvá-lo. Depois de pousar a aeronave com danos mínimos, logo se torna um herói e conquista notoriedade na região onde mora, ganhando presentes e sendo homenageado. Contudo, uma investigação interna revela que ele estava voando sob o efeito de drogas e álcool. Tendo consciência de que a investigação era verdadeira, Whitaker não se sente bem com todas as homenagens que recebe de seus amigos, familiares e desconhecidos, 
por não se considerar merecedor delas
.
Quem já assistiu? O que achou ?

terça-feira, 29 de julho de 2014

DESCOBERTAS

Hoje quando  fui no meu Acupunturista, passei em frente a um Antiquário, que volta  e meia  visito, para apreciar algumas  peças e ver se tem alguma que me interessa.
Pois bem , o que  me interesou hoje, não foram as peças de dentro da loja, e sim, as que estavam no lado de fora, ornamentando a calçada.
Nada mais,  que estas  três peças, com belas  folhagens: uma bitoneira ou uma batedeira  gigante,  não  consegui saber o que ela " foi"; uma  panela de ferro  colonial, ou o caldeirão das bruxas e ainda ,uma banheira,  até com a torneira , que lembrou a que tinha na cisterna da casa de meu avô, e que puxava água  do poço.
Me emocionei, parei extasiada e observei seus detalhes...
Não pude resistir de clicar, inclusive a fachada da Loja Antiquário - Bric ,para  depois postar e  partilhar com meus  amigos blogueiros  verem,como as pessoas  podem transformar objetos  em desuso, em  novas maravilhas, encantando os transeuntes.
Apreciem amigos e que me ajudem a identificar corretamente  cada peça, ou  como cada um  as conhece.
 Comentem , vou gostar muito.



segunda-feira, 28 de julho de 2014

PARA CURTIR UM SOM CHEÍNHO DE RECORDAÇÕES DE UM ÍDOLO DA ADOLESCÊNCIA


VISITAS

Ontem, um domingo maravilhoso de sol, uma vontade enorme de  viver bons momentos...
Helena, minha amiga, ex- aluna, e colega ,no sábado me falou que gostaria de visitar nossas  ex-professoras  e colegas, Ir. Berta  e Ir. Clara , da Ordem Franciscana.
 Mas  vamos amanhã,disse eu, porque vou ligar e saber se podem receber visitas , e em que horário.
Pois bem, domingo, 15h , chegamos. Carinhosamente Ir. Berta  veio até à Portaria nos  receber , e fomos levadas  até outra ala, porque  Ir. Clara , hoje  impossibilitada de caminhar sem ajuda do andador, aguardava  lá.
Que alegria foi poder abraçá-las e conversarmos as  quatro, cada  uma contando e relembrando  os bons momentos convividos. 
Com a Ir. Berta, trabalhei durante 3 anos e meio, lecionando Enfermagem Pediátrica, e  tínhamos histórias lindas  prá lembrar. 
Com Ir. Clara relebramos sua forma especial de tratar os alunos, de "puxar as orelhas" não deixando nada passar  quando fosse para aprendizado de alguma coisa, dos desenhos que eu fazia para ela poder dar suas aulas de  Enfermagem Médico-Cirúrgica, enchendo o quadro de giz até o último cantinho...e até  ela lembrou, do fato de  que uma vez  eu a salvei de morrer afogada e  que nunca havia contado para ninguém...(eu já havia esquecido este fato...)
As achamos  muito  bem em seus mais de 80 anos, com a capacidade  de relembrar fatos marcantes, denotando lucidez, com o carinho e afeto demonstrado por elas nos segurando as mãos, nos abraçando, nos admirando. E a reciprocidade  também aconteceu de nossa parte. 
Entre um café e uma degustação do delicioso Bolo Formiga, a tarde foi  encerrando, e tivemos que nos despedir, não sem antes, fazer o registro fotográfico, junto ao quadro de São Francisco, belíssima obra de arte.
Foi uma vivência digna  de um belo domingo de sol.


sábado, 26 de julho de 2014

BLOGAGEM COLETIVA

Hoje temos um novo desafio da Chica, e na blogagem coletiva a palavra é olhar.Acesse Chica http://sementesdiarias.blogspot.com.br/


 Como tenho uma poesia  feita pr mim,em 20 de novembro de 2009, com o nome  "Olhares",  vou postá-la junto  à minha frase  que fiz hoje.

EXPERIÊNCIA, APRENDEU NA VIVÊNCIA DE SEU OLHAR !

OLHARES

Saber do olhar,
Que olha devagar,
Que olha trigueiro
a se demorar...

E diferenciar
Do olhar lisonjeiro.
 Aquele matreiro
Que só quer conquistar!

É ter experiência,
 Que aprendeu na vivência
De seu próprio olhar!




DIA DOS AVÓS

Hoje  é comemorado o DIA DOS AVÓS,e não faz muito que esta data  ficou oficialmente  em homenagem a eles .
No cristianismo, são   os santos  Ana e Joaquim , pais de Maria , mãe de Jesus, portanto avós  Deste ,que simbolizam a data a ser comemorada hoje.
Mas, eu também quero homenagear meus avós  maternos  Rosália e José, (foto ) , e paternos,  Ermelinda Cristina e Jacó Raimundo, que infelizmente não tendo registro fotográfico no momento, hoje, vou providenciar com algum parente para uma posterior blogagem.
Tenho lindas histórias de minhas avós e do vô José , o Juca ( vide postagem de ontem), mas infelizmente  o vô  Jacó Raimundo, partiu quando meu pai tinha  9 anos de idade.
O que mais  me lembro é do carinho, da alegria, da proteção desses avós queridos, das muitas brincadeiras, dos momentos de ternura e  cumplicidade , quando nos protegiam em  alguma peraltice.
Meu abraço e muitos afagos para eles,  onde quer que estejam.

Amo vocês, meus avós queridos!

Parabenizo também , todos meus amigos que  já são avós, e tem o privilégio de compartilhar alegrias com seus netos.  Carinhoso abraço desta amiga que ainda aguarda, na fila preferencial, que sua senha seja chamada logo, para usufruir deste privilégio.

sexta-feira, 25 de julho de 2014

DIA DA IMIGRAÇÃO ALEMÃ / DIA DO COLONO


População total
2.5% da população do Brasil7
Regiões com população significativa
Maioria na Região Sul do Brasil. Grupo relevante também em São Paulo, centro-sul de Minas Gerais, interior do Espírito Santo e Rio de Janeiro, além de algumas partes daRegião Centro-Oeste
Línguas
Português. Minorias falam Alemão e oHunsrückisch, um alto dialeto alemão
Religiões
Cristianismo, a maioria luteranos ecatólicos.
Grupos étnicos relacionados
Brasileiros brancosAlemães
imigração alemã no Brasil foi o movimento migratório ocorrido nos séculos XIX e XX de alemães para várias regiões do Brasil. As causas deste processo podem ser encontradas nos freqüentes problemas sociais que ocorriam na Europa e a fartura de terras no Brasil. Atualmente, estima-se que 5 milhões de brasileiros têm ao menos um antepassado alemão.8
Um teuto-brasileiro ou germano-brasileiro (em alemão: Deutschbrasilianer) é um brasileiro que tem pelo menos um ascendenteetnicamente alemão, podendo ou não ter uma forte afinidade cultural com povos tradicionalmente considerados germânicos, ou seja,alemães, austríacos, suíços (dos cantões germânicos), ou originários das partes germânicas tanto da República Checa como da Rússia9(veja o artigo "Alemães do Volga"), Alto Adige/Südtirol (Italia), Alsácia-Lorena (França), etc. sendo que classificar qualquer pessoa como germano-brasileira permaneceu sempre uma questão de parâmetros flexiveis. Também são consideradas teuto-brasileiras as pessoas nascidas nos países germânicos mas radicadas permanente ou temporariamente no Brasil, especialmente pessoas que gozaram ou que ainda hoje usufruem certa notoriedade.

A história de  meu avô, imigrante alemão,nascido em Ostrow, em 1897, começo dizendo que ele veio ao Brasil com  apenas  27 anos e, com a família composta da esposa Rosália , as filhas Trautel e Hedwiges (minha mãe) .
Não me detalhando por todas as  situações que vivenciou aqui, vou direto ao lugar  em que ele pode se radicar: a antiga  Caçador , à beira do rio Ijuí, e  que pertencia à Vila Serro Azul (hoje Cerro Largo)

Seu José Psiuk, o  Vovô Juca , como ficou conhecido, tinha por profissão ser Padeiro, e por isso ficou pouco tempo  morando na "colônia", porque  adquiriu  um lote do Sr. Mathim Halmenschlager  de esquina para a praça (foto abaixo). e  ali  construiu e montou seu Armazém de Secos e Molhados, que depois se  transformou em Padaria, Restaurante  e Churrascaria  Nesse meio tempo, progrediu e contruiu ele próprio também   prédio novo ,dividiu as firmas e quando já não mais vivia, em sua homenagem, o mano Paulo Rauber, seu neto , deu o nome da empresa da esquina(onde iniciou) , de Padaria Juca.

Nesta  foto ao lado, está o casal com os filhos que nasceram ,ainda  na  colonia da Caçador : a maior , minha mãe Hedwiges,tia Rita(D), tia Lúcia (E) e tio Bernardo. Tia Therezinha nasceu já na  casa e padaria, na Vila .
 Por ser empreendedor, homem de  tino comercial, fez muitos fregueses ( municipais, inter-municipais e  inter-estaduais e da Argentina, principalmente) e  tornou seu comércio um ponto de referência  dos  mais variados produtos  de qualidade .Vendia  pães , cucas, bolachas,biscoitos, doces , tortas, todas confeccionadas pela família e seu grupo de empregados, que  ele mesmo capacitou. Ainda  vendia  mercadorias variadas,que trazia de Porto alegre ,Argentina,  cidades vizinhas  de Cerro Largo, e eram :bacalhau norueguês e azeites de oliva extra virgem, copas e salames italiano, maçãs argentinas, balas Soberana (Ijuí), Guaraná Kraemer (Santo Ângelo) enlatados  em geral, e muitas outras  coisas mais.
Foi ele que  trouxe o  1º sorvete  feito à mão, cozido e tocado à manivela em muita  água , sal grosso e gelo. O picolé do seu Juca , de framboesa , não tinha criança ou adulto que não o apreciasse. Eu tenho muita saudade dessas  delícias , e só em lembrar, dá água na boca.
Parodiando, poderia dizer que ninguém que chegasse em Cerro Largo e não fosse na Padaria e Churrascaria Central, era como ir à Roma e não ver o Papa...
Poderia contar muito mais coisas de meus avós maternos , José e Rosália, mas  fico por aqui em minha  homenagem pelo seu dia.
Obrigada  meus avós, pela linda família que constituíram.

quinta-feira, 24 de julho de 2014

CUIDADOS E RECOMPENSAS



Hoje minha irmã Maristela postou  no Facebook , fotos das orquídeas que estão florescendo em sua casa. 
Pois bem, não poderia deixar de  colocá-las  aqui,  tecer comentários , porque  fazem parte de nossas histórias de vida.
Explicando: estas orquídeas eram de nossa segunda mãe, a  Nahir, que partiu ano passado para um Plano Superior, e nos deixou muitas coisas, entre as  quais  as belas orquídeas que ela cultivava.
Foi decidido, que iríamos   distribuír as mudas   entre  familiares, vizinhas e algumas amigas, mas a mana Maristela , ficou  com a maioria delas,  pois  sabíamos que as cuidaria, e muito bem.
A prova disso está aí: elas  tiveram excelentes  cuidados e nos recompensam hoje,  com suas maravilhosas  flores.
Obrigada mana, que daqui prá frente   possamos  apreciar estas belezas, que aprendemos a cultivar , à partir de nossas mães  Hedi e Nahir, por que TU as cuida .

 


quarta-feira, 23 de julho de 2014

QUE DIA É HOJE?

23 de julho
- Dia do Guarda Rodoviário
Início da colonização européia em São Paulo (1840)
Data Nacional do Egito
Morte de Santos Dumont, no Guarujá-SP (1932)
Assinatura em Viena do contrato de casamento de D. Pedro II com Tereza Cristina Maria de Bourbon (1842)
Maioridade de D. Pedro II (1840) 
Morte do cineasta norte-americano David Griffith (1932)
Inauguração do Instituto Oswaldo Cruz (1900)
Adhemar Ferreira da Silva conquista a medalha de ouro, no salto triplo, nas Olimpíadas de Helsinque (1952)
Santa Brígida / Santa Rômula / Santa Erondina




Vou acrescentar que hoje é o meu dia também, e por isso, 

terça-feira, 22 de julho de 2014

OBSTÁCULOS NA VIDA


Hoje quero  me dirigir às minhas  amigas e amigos  que estão enfrentando dificuldades  na área da sua saúde,  física, mental, e psicológica.
Tenho, no momento, me preocupado, pois o número aumentou dos que precisam ter assistência em saúde. Claro, em parte, porque  chegamos numa idade em que os achaques  e dores  começam a se mostrar , e também,  pela fragilidade que temos em momentos vividos, quando  somos agredidos com doenças mais graves.

Por isso, resolvi usar  o meu blog para dizer a todos, que este momento pode ser encarado como de maior necessidade de luta, cada um sabendo o quanto precisa lutar e quais as armas que vai usar.
De minha parte, vocês podem contar com minha energia positiva, minhas orações , minhas mensagens , sempre, e quiçás, minha presença  juntinho das suas, quando me chamarem e eu puder ir.
Espero que  minhas mensagens aqui sejam bem entendidas, interpretadas individualmente, e que estimulem à buscar sua recuperação.
Com meu carinho e confiança em Deus, fica meu recadinho final.  


segunda-feira, 21 de julho de 2014

UMA LIÇÃO DE VIDA

Sábado à tarde, estando em Porto Alegre,  fomos  em família, fazer compras de livros  na SARAIVA, no Shoping Praia de Belas.
Queríamos renovar estoques, cada um  de seu gosto.
Me deliciei comprando maravilhas, vejam só : -
- Os Miseráveis, de Vitor Hugo, numa apresentação em 2  livros, , encadernação linda, por apenas  R$ 57,00; 
-O Silêncio das Montanhas, de Khaled Hosseini por R$ 39,90;
-O Oceano no fim do Caminho, de Neil Gaiman, que não lembro o preço;
- Bonsai, de Alejandro Zambra, por apenas  R$ 13,90 (este foi sugerido pelo vendedor, espero que eu goste);
-QUEM, EU?  de Fernando  Aguzzolli, por  R$ 34,90.

Bem, hoje vou falar sobre este último, que  iniciei a leitura na noite de sábado e terminei enquanto viajava de volta para Santa Maria. Um livro para não parar de ler, depois de começar.
Escrito pelo neto, Fernando, com grande sensibilidade e ternura, conta a história  real de sua convivência com a  avó materna Nilza, numa amizade  baseada no amor . Quando sua avó é diagnosticada como portadora de Alzheimer, ele  larga tudo - emprego, faculdade, seus  estudos, para acompanhar e conviver o dia-a-dia com ela. 
Não  me detenho em mais descrições, para te aguçar a vontade de ler e  sentir emoções fortes, que Fernando  proporciona neste livro.
Eu recomendo!

-
PS. Os demais livros, após a leitura , postarei algum comentário. Aguardem.

domingo, 20 de julho de 2014

BLOGAGEM COLETIVA DA CHICA


 Caipiras do Borocoxô é um Grupo Junino, de Palmas (Tocantins),  eleito  Campeão em 2013 ,pela Confederação de Quadrilheiros Juninos no Brasil, quando disputou  o campeonato com  16 grupos  de outros estados.
A trajetória do grupo tocantinense já vem sendo reconhecida nacionalmente, através de suas  participações e  se destacou como a do c`Casal de Noivos e Rainha  Nacional  no ano de 2012.
A idéia  é que sejam feitas  apresentações destes  grupos juninos, nos países  que participaram da Copa Mundial de Futebol, pois  seria um modo de divulgar e transformar estas danças,  em produto turístico do Brasil.
Daí , eu fiquei pensando no significado  do termo BOROCOXÔ , para  este  grupo junino, pois  que significa, estar  sem ânimo, sem  energia,  amuado, aborrecido, triste, chateado,...
E brotaram as minhas frases,  para  participar na blogagem coletiva da Chica :http://sementesdiarias.blogspot.com.br
http://sementesdiarias.blogspot.com.br/

 NOS DIAS DE BLOGAGEM COLETIVA, SEM BOROCOXÔ !


Para não  ficar borocoxô , eu prefiro dançar.


quarta-feira, 16 de julho de 2014

SAUDADES...


Para reflexão...





terça-feira, 15 de julho de 2014

DESPEDIDAS

Durante  a vida, passamos  por diversos momentos , alguns  felizes outros tristes.
A medida da felicidade ou infelicidade do momento, cada  um sabe de  si, e  são as emoções  que nos levam à  expressar o que pensamos.
Os momentos de despedidas são  os que nos deixam  com a sensação de saudade, e saudade sentimos, do  que não  está no presente. O simples vislumbre dessa possibilidade de ausência, já pode nos deixar mais ou menos tristes, quando amamos e  queremos  bem.
É assim que já estou me sentindo, pois partirei hoje de volta para minha casa, deixando a mana e sua família.
E brotou o versinho abaixo, que deixo como lembrança.

DESPEDIDAS

Entre a alegria de viajar,
Está a tristeza de quem vou deixar...
Mas, a esperança me acena 
Com a possibilidade de retornar.
Espero que seja breve,
O tempo de nos reencontrar.
.

segunda-feira, 14 de julho de 2014

PRESENTEANDO

Postei, anteriormente, que  parte de minhas férias, passaria  em Pato Branco, e cá estou.
Como é  costume em nossa família, presentear as pessoas  quando as visitamos, trouxe alguns mimos para minha sobrinha  Júlia,(2ª foto), que comprei na Loja  Bicho Preguiça , de minha  querida amiga  Márcia Moura
Mas a camiseta  branca, precisava  costumizar aqui, à partir do gosto e escolha de cores , pela presenteada.
O modelinho de uma boneca tomando sorvete,  já  havia trazido de casa, e apresentei -o para que Júlia escolhesse dentre os retalhos que comporiam o patchwork,  aqueles que mais lhe agradavam. Sabedora de que  ela está mais empolgada  com a cor amarela, mostrei os tecidos, e como faríamos , e ela fez suas escolhas.  
Em seguida, como é muito observadora e falante,  me questionou: 
"- Tia Lia, por quê  nesta boneca  não aparece o rosto?" 
Expliquei que  a boneca estando de chapéu, este cobria seu rosto. Me olhou insatisfeita, então apelei  para outro argumento:  "-A tia pode bordar melhor assim, pois  às  vezes os detalhes não ficam tão bem bordados". Ela  sorriu, aprovando com a cabeça  disse : "- Eu to louca prá ver prontinho, tia Lia!" 
E quando ficou pronto, ela exclamou: "_ Adorei!"
Precisava  mais?





domingo, 13 de julho de 2014

BLOGAGEM COLETIVA DA CHICA


LENDA CHINESA: O SIGNIFICADO DOS DEDOS DAS MÃOS


Você sabe por que o anel de compromisso é usado no quarto dedo?

Existe uma lenda chinesa que pode explicá-lo de maneira bonita e muito convincente….

Os polegares representam os pais.
Os indicadores representam seus irmãos e amigos.
dedo médio representa você mesmo.
dedo anular (quarto dedo) representa o seu esposo/a.
dedo mindinho representa os filhos.

Agora, primeiro junte as suas mãos, palma com palma, depois una os dedos médios de forma que fiquem os nós com os nós e voltados para dentro das mãos… depois encoste as pontas dos dedos restantes…

Assim você terá os polegares, os indicadores, os anulares e os mindinhos encostados pelas pontas, e os médios voltados para dentro. (como na foto)

Agora tente separar de forma paralela os polegares (representam os pais).

Você perceberá que se abrem, porque seus pais não estão destinados a viver com você até o dia de sua morte.Una-os de novo.

Agora tente separar da mesma maneira os dedos indicadores (representam os seus irmãos e amigos), você perceberá que também se abrem porque eles se vão, e têm destinos diferentes, como casar-se e ter filhos.

Tente agora separar da mesma forma os dedos mindinhos (representam os seus filhos).

Estes também se abrem porque os seus filhos crescem e quando já não precisem de você, se vão. Una-os de novo.

Finalmente, trate de separar os seus dedos anulares (o quarto dedo que representa o seu companheiro/a) e você se surpreenderá ao ver que simplesmente não consegue separá-los. Isso acontece porque um casal está destinado a permanecer unido até o último dia de sua vida. E é por isso que o anel é usado neste dedo. 
Esta é minha participação na 
Blogagem coletiva da chica
e minha frase hoje é:

"Meus dedos, até  hoje, não se separaram..."