quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

PAPAI NOEL NO SHOPING MONET

Ontem , quando fui no Shoping Monet, não resisti em ser fotografada com o Papai Noel.
Hoje, também não resisti em escrever algo no blog, a respeito desse momento.
Enquanto aguardava minha vez para  poder fazer a fotografia, uma  menina de uns  5 aninhos, me antecedia...Estava a contar  uma história, muito compenetrada, olhando firmemente para o Papai Noel , através de seus  óculos (de fundo de garrafa) . Não pude  ouvir o que dizia, mas vi que o Papai Noel a escutava atentamente, emocionado,  e falou no final, para  ela : "Que lindo! Parabéns! Papai Noel, vai providenciar."
Ela agradeceu feliz, deu seu beijinho  na face  do Bom Velhinho e se foi.
Quando chegou minha vez, perguntei para ele seu nome, que me disse ser Narciso. Logo perguntei : E és  narcisista? Ele respondeu de imediato: "-Nem pensar!". Perguntei porquê   fazia  Papai Noel no shopping. Ele respondeu- "Por que gosto, me emociono e gosto  muito das histórias  que cada  criança  me conta. E ao contrário de outros trabalhos, não canso." 
Então, enquanto uma gentil senhora  nos fotografava, me  falou que estava especialmente  emocionado, com a história contada pela última menina, sem  no entanto, entrar em detalhes. Entendi ser isto, respeito pela privacidade  das histórias contadas pelas muitas crianças. Quiçás, a ética  noelina...
Observando mais este senhor, percebi que sua barba e bigode eram verdadeiras, o que denota  a preocupação de ser autêntico e não narcísico.
Não perguntei nada mais, pois já se aproximava um lindo gurizinho de uns 2 aninhos , que prontamente sentou no seu colo e lhe abraçou e beijou, sem falar, e sem demonstrar  medo.
Foi uma vivência de grande aprendizagem para mim e quis compartilhar com vocês que me acompanham.

3 comentários:

  1. Maravilhoso presenciar algo assim .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga Adele , que bom te encontrar novamente aqui! Adorei a visita podes repetir...hehehe.
      Sim essas vivências são muito boas.
      Abç

      Excluir
  2. Que gratificante encontrar pessoas bondosas e compromissadas com a ética e cavalheirismo nos dias atuais!
    Há tempos não visitava teu blog. Com o face a gente esquece he,he.

    ResponderExcluir