domingo, 5 de junho de 2011

SOLIDARIEDADE NA EA



A solidariedade pode ser vivenciada quando a gente menos espera, e de uma forma diferente também.

Nesta semana, o nosso Prof. Rui, estava vendendo cupons para um Risoto Beneficente, da Igreja Metodista , do Bairro Itaré. Me ofereceu, e perguntou se podíamos colaborar enquanto alunos da Escola para Adultos.

Prontamente me ofereci para ficar responsável pela venda de 10 cupons, mas disse logo que não garantia vender todos.Temi não conseguir...

Qual não foi minha surpresa, que ao oferecer em aula, na mesma tarde, vendi todos.

Daí surgiu uma nova situação: ninguém das colegas buscaria o risoto, estavam comprando para colaborar. A colega Izara ao comprar logo disse, que eu desse, para quem eu achasse que precisava.

Veio a idéia então: levar para as famílias de índios caigangues, que ora estão acampados próximos à rodoviária.

Dito e feito, busquei hoje pelo meio-dia o risoto, e o levei, ainda quentinho para ser saboreado pelas crianças e adultos indígenas.

Registrei os dois momentos, o 1º com Prof. Rui e família ,para quem prestei contas e recebi o risoto, quentinho e cheiroso; depois a entrega para os índios, que me receberam com muitos sorrisos e obrigados.

Foi um domingo que me deixou muito feliz : primeiro pela adesão das colegas que foram sensíveis e adquiriram os cupons, e segundo pelo vínculo de reciprocidade em fazer o bem, isto é a chamada solidariedade .

Foi em nome delas e da minha EA , que pude vivenciar mais um bom momento, .
Num simples gesto, podemos fazer muito.
E o coração agradeceu, de também ser " alimentado" .

2 comentários:

  1. Parabéns pela iniciativa!Belo gesto!

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo despreendimento Lia.Exemplo de solidariedade a ser seguido.

    ResponderExcluir